My dream is having all this map painted in red

Sunday, 22 March 2009

Aït Benhaddou

 

 

 

Com uma colina de arenito rosa por detrás, a ksar de Aït Benhaddou fica na margem esquerda do rio Wadi Mellah.

Pode alcançar a o lugar a pé a partir da aldeia recentemente estabelecida na margem oposta. O rio Wadi costuma estar seco, exceto no inverno e na primavera, que foi uma das épocas que estive lá. Neste caso tivemos que atravessar o rio de jumento e pagar 10 dirhams por isso (1 euro) para ir e voltar.

 

 

 

A pitoresca aldeia de Aït Benhaddou, que foi muitas vezes usada como local de filmagens, pode ser explorada sem um guia. em tempos foi fortificada e tem um egberm (celeiro comunitário), hoje em ruínas. Foi erguida perto de água e de terrenos aráveis, num lugar protegido dos ataques inimigos, e tem um impressionante conjunto de kasbabs de pisé ocre.

 

Desde que a aldeia foi classificada Patrimônio Mundial da UNESCO, algumas das kasbabs foram restauradas. As torres das kasbabs são decoradas com arcos cegos e designs geométricos em relevo negativo, criando um jogo de luz e sombra. Por detrás da kasbab há casas simples de argila. Hoje, a ksar é habitada por menos de dez famílias e é um dos lugares de passagem obrigatória para os viajantes a caminha do deserto, não deixem de passar por aqui.

 

 

Post a Comment